Home Conteúdo GN HQs clássicas e essenciais do Batman que todo fã deveria ler!

[TOP 10] HQs clássicas e essenciais do Batman que todo fã deveria ler!

-

Batman é com certeza um dos heróis mais conhecidos dos quadrinhos. Criado por Bill Finger e Bob Kane, desde a sua primeira aparição lá em 1939 na revista Detective Comics #27, o Homem-Morcego colecionou uma infinidade de histórias e arcos sensacionais nesse 80 anos de HQs.

Seja nos cinemas, com filmes como Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge, aventuras em animação como a mais atual Batman: Silêncio, ou nos jogos como Batman: Arkham Knight, a DC está sempre tentando adaptar algum arco clássico do herói nos quadrinhos, explorando ainda mais o personagem em sua luta contra o crime.

Então se você é fã do Cavaleiro das Trevas, assim como nós aqui do GN, confira essa lista sensacional com 10 histórias clássicas do Batman que com certeza transformaram o herói no ícone que ele é hoje:


10 – Batman: O Filho do Demônio

Pra começar a lista temos O Filho do Demônio, que mostra Batman envolvido com algumas investigações que o levam a um embate com Ra’s Al Ghul. Durante a história podemos ver um relacionamento maior entre Bruce e Talia Al Ghul (filha do vilão), com a paixão entre os dois florescendo de fato.

É aqui também que vemos o Batman começar a desenvolver o seu lado paternal. Isso porquê nesse processo, Bruce acaba descobrindo que Talia está grávida de seu filho. Temos então uma das primeiras menções ao nascimento de Damian Wayne, o filho do Batman. Ele que veio a ser tornar um dos personagens mais importantes das histórias recentes do Batman, assumindo o manto do Robin.


9 – A Queda do Morcego

A Queda do Morcego é considerado por muitos um dos momentos mais trágicos na carreira do Cavaleiro das Trevas. A HQ que foi lançada um pouco depois de “A Morte de Superman”, mostra como o vilão Bane derrota o Batman e quebra a coluna do herói ao meio, que acaba sendo substituído pelo misterioso assassino Azrael.

Depois de se recuperar, Batman consegue finalmente derrotar Bane, mas precisa tirar Azrael de jogo, já que os métodos de justiça do “novo Batman” iam contra tudo o que o Bruce acreditava. A história serviu de inspiração para o diretor Christopher Nolan criar o enredo para o seu último filme do Batman, adaptando a derrota e a volta do nosso herói em O Cavaleiro das Trevas Ressurge.


8 – Batman: Morte em Família

Essa HQ é outra que traz mais um momento trágico do Batman, com a morte do seu segundo Robin, Jason Todd. A história gira em torno do herói e seu sidekick enfrentando o Coringa em uma aventura ao redor do mundo. Com ramificações para o passado de Jason, a trama tem um final violento que mudou para sempre a vida de Batman e seus aliados.

Na história, vemos Robin sendo capturado e morto pelo Coringa, algo que foi escolhido pelos leitores através de uma votação na época por telefone, num episódio extremamente chocante e com certeza entrou para a história dos quadrinhos. Felizmente, descobrimos tempos depois que Jason foi revivido e renasceu como o anti-herói Capuz Vermelho.


7 – A Corte das Corujas

Esse é um dos arcos mais recentes do Cavaleiros das Trevas e considerado por muitos um clássico da nova era do herói. Estamos falando de A Corte das Corujas, que nos apresentou a sociedade secreta de magnatas de Gotham, que opera na cidade desde a sua fundação e por muitas décadas se manteve longe dos holofotes.

Eles que sempre comandaram tudo o que acontecia na cidade pelos bastidores e que não poupavam esforços para eliminar quem entrasse em seu caminho. Além de uma volta ao passado “sombrio” da cidade, o mais interessante dessa história foi justamente a ligação da Corte com a morte dos pais de Bruce Wayne e até mesmo com o circo onde a família de Dick Grayson vivia.


6 – Batman: Silêncio

Batman: Silêncio mostra a chegada um novo e misterioso vilão a Gotham, levando Bruce Wayne a uma de suas maiores aventuras e a uma exploração de seu passado. Com roteiro escrito por Jeph Loeb e desenhos incríveis de Jim Lee, essa história é considerada um clássico moderno do personagem.

Depois da morte de Jason Todd, Batman ficou atormentado por meses e se negava a encontrar um novo parceiro para lhe ajudar no combate ao crime. Porém Tim Drake aparece e o Homem-Morcego volta a tocar sua vida normalmente. Além de enfrentar esse novo vilão, a HQ mostra pela primeira vez Bruce Wayne revelando sua identidade secreta para a Mulher-Gato, além dos primeiros indícios de que Todd ainda poderia estar vivo.


5 – Batman: Asilo Arkham

Outro grande clássico do Cavaleiro das Trevas, dessa vez escrito por Grant Morrison, Arkham Asylum é uma graphic novel em que os vilões presos no asilo liderados pelo Coringa tomam o controle do lugar e exigem a presença do Batman (arco que possivelmente inspirou o jogo de mesmo nome da Rocksteady).

Dentro do manicômio, Batman passa por uma jornada de tortura física e mental nunca vistas antes. Morrison desconstrói o personagem de uma forma cruel mostrando o quanto o herói é frágil, atormentado e apenas um humano. O clima de loucura é reforçado pela arte de Dave McKean que é praticamente uma pintura surrealista que se adapta a psique de cada um dos vilões que Batman confronta.


4 – O Longo Dia das Bruxas

Em O Longo Dia das Bruxas, Batman enfrenta um serial killer que tem como alvo alguns dos nomes mais importantes de Gotham. Ainda em início de carreira, o Cruzado Encapuzado procura desvendar a série de assassinatos misteriosos, tentando entender como funciona a mente do assassino.

Com participação de quase toda a galeria de vilões do herói, a história traz uma trama cheia de mistérios que explora as habilidades de Batman como detetive. Além de uma trama completamente envolvente, a história traz um final bem inesperado, coisa que só mesmo Jeph Loeb em seus tempos áureos poderia ter escrito.


3 – A Piada Mortal

A nossa terceira posição da lista fica com uma história que para muitos pode ser considerada a origem definitiva do Coringa, o mais perigoso inimigo de Batman. Nessa HQ, o vilão lança um ataque violento contra o Comissário Gordon, deixando sua filha Barbara, que atuava na época como Batgirl, completamente paraplégica.

Escrita pelo lendário roteirista Alan Moore, a história desafia Batman de uma forma nunca antes vista, levando o Cavaleiro das Trevas um parque de diversões cheio de armadilhas para salvar Gordon e deter o palhaço homicida. Tenso, inteligente e com ótimos diálogos, a HQ vai fundo na personalidade do Coringa e conta como tudo começou, revelando que Batman foi responsável indiretamente pela criação do vilão.


2 – Batman: Ano Um

Falando em origem definitiva, não podíamos deixar de mencionar Batman: Ano Um, obra prima escrita por Frank Miller e desenhada por David Mazzucchelli. Nessa HQ, o escritor volta ao início da carreira de Batman e mostra seu primeiro ano em atividade.

Ainda desconhecido pelos cidadãos de Gotham, o Cruzado Encapuzado ainda está tentando aprender a como ser um herói. Nesse percurso, Batman descobre o quão corrupta e violenta pode ser sua cidade e inicia uma amizade com um grande aliado, o tenente James Gordon, recentemente transferido para Gotham.

A história nos mostra um pouco da perspectiva do jovem Gordon sobre a situação da cidade, que acaba se convencendo de que eles precisam do Batman. Além disso, Bruce Wayne precisa esculpir a sua imagem de playboy milionário, para assim esconder suas atividades noturnas na luta contra o crime.


1 – Batman: Cavaleiro das Trevas

Por fim, não teríamos como fechar essa lista sem falar dessa que é com certeza a melhor HQ do Batman de todos os tempos. O Cavaleiro das Trevas, escrita e desenhada por Frank Miller, mostra um Bruce Wayne mais velho e aposentado de sua carreira como vigilante há dez anos, sendo obrigado a voltar à ação quando o caos se abate sobre Gotham.

A história revela como as atitudes de Batman foram mudando com o passar do tempo, se tornando um herói muito mais violento e impetuoso, sem escrúpulos na hora de combater o crime. A HQ traz o embate final entre Batman e Coringa, além de uma batalha épica contra o Superman, que vem a Gotham para tentar parar o Cavaleiro das Trevas, que está fora de controle.

Esse arco de Miller é até hoje aclamado pela crítica e lembrado pelos fãs, apesar de não ser cânone, já que esse é um futuro alternativo do herói. Também serviu de inspiração para o filme Batman v Superman, além de ganhar adaptações em animação pela DC e até mesmo continuações nos quadrinhos anos mais tarde, escritas pelo próprio Frank Miller.


Eai, gostou da nossa lista? Qual dessas HQs você acha que é a melhor história do Batman? Deixe sua opinião nos comentários…

Luiz Vasconcelos
Made by Geeks!
- Publicidade -
- Publicidade -

REVIEWS

- Publicidade -

PITACOS

- Publicidade -

LISTAS

- Publicidade -

EVENTOS

- Publicidade -