Home Conteúdo GN Trilogias canceladas de filmes de Super-Herói!

[TOP 7] Trilogias canceladas de filmes de Super-Herói!

-

Hollywood as vezes pode ser muito cruel com certas franquias de super-heróis. Planejadas inicialmente para serem trilogias desde a produção de seu primeiro filme, algumas delas não conseguem chegar a sua conclusão e acabam parando no meio do caminho.

É o caso da maioria dos filmes de heróis dos quadrinhos, onde uma série de fatores pode fazer com que uma franquia seja abandonada, sem chance de retorno. Entre os problemas mais frequentes estão a recepção negativa da crítica, o fracasso nas bilheterias, uma abordagem errada do personagem ou até mesmo o desinteresse do público por novos filmes daquele herói.

Então nós aqui do GN fizemos então uma lista honrosa com várias franquias de heróis interrompidas e que acabaram não tendo um final, de fato. Confira abaixo:


7 – Motoqueiro Fantasma (Ghost Rider 3)

A primeira franquia desta lista com certeza é uma das mais odiadas pelos fãs de super-heróis. Isso porquê Motoqueiro Fantasma 2 acabou decepcionando em termos de crítica e bilheteria, fazendo o longa perder a sua continuação já programada e deixar a história pela metade. Além do fato do nosso herói ser interpretado por ninguém menos que Nicolas Cage (de peruca, inclusive).

Sim, Motoqueiro Fantasma 2 havia deixado um gancho para o terceiro filme, onde exploraria mais a história de Danny Ketch (Fergus Riordan), garoto que viria ser o próximo Motoqueiro Fantasma no futuro. Porém, o segundo filme do herói acabou não sendo a continuação que gostaríamos, já que deixou de lado o estilo assustador e sombrio do personagem para se tornar algo mais “PG-13”, com piadinhas e cenas de ação não tão convincentes.

Cage até hoje lamenta o fato do terceiro filme do herói nunca ter sido lançado…


6 – Quarteto Fantástico (Fantastic Four 3)

Outro filme que acabou não agradando os fãs após a primeira continuação, foi Quarteto Fantástico. O segundo longa da família de super-heróis mais famosa dos quadrinhos e que trazia o Surfista Prateado (Doug Jones) as telas do cinema realmente não vingou.

A história rasa, o romance sem credibilidade entre Reed Richards (Ioan Gruffud) e Sue Storm (Jessica Alba), além do caracterização “horrorosa” que fizeram do Galactus no cinema só contribuíram para um terceiro filme nunca acontecer. E olha que uma continuação pra fechar a trilogia tinha bastante potencial, já que poderia trazer Namor como vilão e possível “interesse amoroso” de Sue (deixando Reed enciumado) ou talvez apresentar o nascimento de Franklin Richards, filho do casal protagonista.

Pra falar a verdade, eu até gostava do Tocha-Humana do Chris Evans, nessa época ai…


5 – Batman & Robin (Batman Unchained)

Sim, Batman & Robin. Uma das franquias mais odiadas de todos os tempos em Hollywood iria ganhar uma continuação e tinha até roteiro pronto já. Estamos falando de Batman Unchained, filme que fecharia a “trilogia” dirigida por Joel Schumacher (e que graças a Deus nunca aconteceu).

O projeto estava nos trilhos, mesmo com o fracasso de bilheteria e crítica que veio a ser o segundo filme do diretor. George Clooney acabou desistindo de interpretar o herói e não voltaria para uma continuação, sendo assim Kurt Russel iria assumir o papel de Batman. A história do filme traria de volta todos os vilões dos filmes anteriores, como o Pinguim, Mulher Gato, Charada, Duas-Caras e Coringa, numa espécie de alucinação por parte do gás do Espantalho, o vilão do filme (que seria interpretado por Nicolas Cage).

Além disso, Arlequina apareceria no filme como uma filha do Coringa de Jack Nicholson, buscando vingança pela morte do pai (bizarro)…


4 – Demolidor (Daredevil & Elektra)

Se as franquias anteriores dessa lista são odiadas pelos fãs até hoje, Demolidor com certeza extrapola todos os níveis possíveis. O filme que trouxe o demônio de Hell’s Kitchen as telas pela primeira vez não foi muito bem aceito pela crítica e nem pelo público.

Tanto que a continuação do filme veio com Elektra (2005), outro fracasso de bilheteria. Ben Affleck fez uma ponta no filme solo da heroína (que conectava os dois longas), mas a cena acabou não indo pro corte final. Mesmo desapontado com as críticas, o ator na época ainda estava disposto a filmar uma sequência, caso o estúdio adaptasse alguma história sombria do Demolidor, como A Queda de Murdock, de Frank Miller ou Demônio da Guarda, de Kevin Smith.

Porém o projeto parou na metade e a franquia nunca mais viu a luz do dia. Uma pena, já que podia rolar pelo menos um encerramento digno pra história dos dois personagens…


3 – Tartarugas Ninja (TMNT 3)

A nova abordagem dada as Tartarugas Ninja foi até que bacana enquanto durou. O primeiro filme não foi lá essas coisas, mas o segundo chegou, chegando apresentando vilões da nossa infância como BebopRocksteady e até o sinistro Krang.

Porém, mais uma vez a “maldição da bilheteria” não convenceu os produtores a apostarem num novo filme das Tartarugas. O segundo filme acabou não ganhando tanta grana assim, então mesmo com os atores tendo assinado contratos para uma trilogia, incluindo Megan Fox (interprete de April O’Neil no longa), o terceiro filme acabou não saindo do papel e o estúdio já pensa em um reboot.

E olha que eles tinham até uma ideia bacana, já que explorariam a transformação do Dr. Baxter Stockman em homem-mosca, possível vilão do final da trilogia…


2 – O Espetacular Homem-Aranha (The Sinister Six)

O Espetacular Homem-Aranha 2: A Ameaça de Electro conseguiu a incrível façanha de ser mais odiado pelos fãs que o próprio Homem-Aranha 3 (e aquele Venom horrível, ugh). Sim, esse foi o fator predominante pro pessoal da Sony desistir da franquia e não lançar um terceiro filme (e nem um quarto, acredite, eles já estavam programando isso).

Aparentemente o terceiro longa do herói interpretado por Andrew Garfield, teria como foco o Sexteto Sinistro, já que os créditos do segundo filme indicavam a união de vilões como o Abutre, Dr. Octopus, Mysterio e Kraven, juntamente com o Duende Verde (Dane DeHaan) e Rhino (Paul Giamatti), todos contra o Aranha. Além disso, Peter teria um novo interessante romântico, com a introdução de Mary Jane (Shailene Woodley) no terceiro longa.

Rumores apontavam que no quarto filme poderíamos ter a participação da Gata Negra ou até a “ressurreição” de Gwen Stacy como Mulher-Aranha. Mas sorte a nossa que a Marvel apareceu e essas ideias foram deixadas de lado…


1 – Batman (Batman Continues)

Por fim, um dos poucos filmes dessa lista que o pessoal não odeia. O Batman de Tim Burton é com certeza um clássico de Hollywood, já que foi a primeira adaptação do Cavaleiro das Trevas para o cinema.

Diferente do que muita gente pensa, os dois primeiros filmes do Batman trazem uma abordagem muito diferente dos filmes que já listamos aqui de Joel Schumacher (quase que um universo separado mesmo). O terceiro filme do Homem-Morcego dirigido por Tim Burton acabou não rolando pelas famosas “diferenças criativas”, já que a Warner não conseguia vender brinquedos para as crianças, pelo tom sério e sombrio utilizado nos filmes do diretor.

Sendo assim, demitiram Burton e contrataram um novo diretor. Mas a ideia do terceiro filme, intitulado Batman Continues, era realmente muito boa, já que trazia Robin Williams como Charada e Billy Dee Williams finalmente se transformando no vilão Duas Caras (algo que já iria acontecer no segundo filme). Além disso, Michelle Pfeiffer voltaria como Mulher-Gato e Marlon Wayans (naquela época, um ator quase desconhecido) seria o Robin no filme.

Pois é, os caras sacaram o maluco da parada, só pros filmes do Batman venderem “bonequinho” (e acabou virando AQUELE CARNAVAL TODO LÁ DEPOIS!!! NÃO É POSSÍVEL UMA COISA DESSAS!!). Mas tudo bem, os filmes de Tim Burton ficarão pra sempre na memória dos fãs do Batman.


Eai, gostou da nossa lista? Qual desses projetos cancelados você achou mais interessante? Deixe sua opinião nos comentários…

Luiz Vasconcelos
Made by Geeks!
- Publicidade -
- Publicidade -

REVIEWS

- Publicidade -

PITACOS

- Publicidade -

LISTAS

- Publicidade -

EVENTOS

- Publicidade -